Delta Sucroenergia é certificada pela ANP

A Delta Sucroenergia, localizada no Triângulo Mineiro, foi certificada para emissão de CBios (Créditos de Descarbonização), ontem (6/4), pela ANP - Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis. Até o momento, somam 102 unidades já certificadas pela ANP. Agora, as unidades recém certificadas já poderão firmar acordos com o Serpro - Serviço Federal de Processamento de Dados para o registro de notas fiscais referentes aos volumes certificados e começar efetivamente a emitir os seus CBios.

As 12 certificações anunciadas ontem, além da Delta Sucroenergia, são: Bahia Etanol Holding; Pioneiros Bioenergia e Rio Amabai Agroenergia. Além destas unidades o processo de certificação contemplou, também, a primeira unidade produtora de Biometano - GNR Fortaleza. As outras usinas são: CRV Industrial; Pedro Afonso; Ipiranga Agroindustrial - Mococa e Descalvado; Alcoolquimica; SJC Bioenergia - São Francisco; Delta Sucroenergia; e Usina Carolo.

Cada CBio equivale a uma tonelada de carbono a menos a ser emitida na atmosfera. Ainda de acordo com o RenovaBio, as distribuidoras de combustível têm uma meta compulsória de aquisição de CBios, determinada a cada ano, levando-se em conta a quantidade de combustíveis fósseis comercializados no ano anterior.

 

Fonte: Agência Udop/Siamig – 7/04

 

Relacionadas